NOSSA PELE E SUAS FUNÇÕES

O que aconteceria se ficássemos sem a nossa pele?

Coisa bizarra para se imaginar né? Porém a resposta é simples: Morreríamos em pouco tempo com certeza, pois a pele é como uma grande capa de proteção, ela reveste todo o nosso corpo protegendo contra as agressões externas como: Germes, bactérias, produtos químicos, sol, vento, lesões e etc. Esta barreira de proteção vem das células da epiderme e da derme, que secretam sebo e suor formando uma capa especial, como um manto protetor.

 

Que tal saber um pouco mais sobre a pele e suas funções?

 pele é considerada um dos órgãos mais complexos, sendo o maior órgão do corpo humano. É através dela que nos comunicamos com o meio externo, além de muitas outras funções essenciais como: Proteção, regulação da temperatura do nosso organismo, resposta aos estímulos imunológicos, percepção sensorial (calor, frio, pressão, dor e tato), produção de vitamina D, dentre outros ¹.

É o único órgão que apresenta dois tipos de envelhecimento: O cronológico comum a todos os outros órgãos, relacionado com a idade; e o envelhecimento causado por fatores externos (ambientais), principalmente pelo sol, chamado de foto-envelhecimento ² .

A pele é composta por duas camadas principais:

A Epiderme

Sendo está a camada superficial da pele e que você pode ver a olho nu. A principal função da epiderme é formar uma barreira protetora do corpo, protegendo contra agressões externas, impedir a saída de água (do organismo), a entrada de substâncias e de micróbios no organismo.

Na epiderme encontram-se os melanócitos, são estas as células que produzem a melanina, o pigmento que dá cor à pele. A epiderme também forma os anexos da pele como: Pelos, unhas, glândulas sebáceas e glândulas sudoríparas.

A Derme

Ela é a camada mais profunda da pele composta por tecido conjuntivo, formada por fibras de colágeno, elastina e substancia fundamental amorfa, que concede tonicidade, elasticidade e equilíbrio à pele e também por grande quantidade de vasos sanguíneos, vasos linfáticos e nervos.

Esses nervos através de várias ramificações (terminações nervosas), recebem os estímulos do meio ambiente e os transmitem ao cérebro. Estes estímulos são traduzidos em sensações, como: Calor, frio, dor, pressão, vibração, prazer e etc.

É também na derme que se encontram os folículos pilosos as glândulas sebáceas responsáveis pela produção de sebo e as glândulas sudoríparas, responsáveis pela produção de suor¹.

 

Hipoderme

Este é o tecido sobre o qual a pele repousa, embora ela esteja logo abaixo e em continuidade com a derme e tenha mesma origem e estrutura, ela não faz parte da pele.

A hipoderme é formada basicamente por células adiposas (gordura), e serve de suporte e união da derme com os órgãos subjacentes, além de permitir à pele uma considerável amplitude de movimento, ela ainda mantém a temperatura do nosso organismo, acúmula energia para o desempenho das funções de todo o organismo, absorve impactos e serve de modelagem para superficie corporal¹.

Ela é composta por duas camadas: Areolar que é mais superficial, ricamente irrigada e possui adipócitos globulares e volumosos. Lamelar que é mais profunda e onde acontece o aumento da espessura quando aumentamos nosso peso corporal.

Bom, agora que você sabe um pouco mais sobre a sua pele. leia também o próximo artigo que postarei sobre os 16 tipos de pele existentes. Um abraço e até lá!

 
 

Referencias:

1- GUIRRO, E.; GUIRRO, R. Fisioterapia dermato-funcional. 3ª ed. São Paulo: Manole, 2010.

2- AZULAY, R. D.; AZULAY, D. R. Dermatologia. 5ª ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2011.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.